Marcadores

Da Gabi (161) Dos queridos (54) Amor (47) Por aí (35) Dicas (28) Família (28) Comidas (18) Viagem (16) Chatices (15) Esportes (13) Trabalho (12) Livros (9) Música (9) Crianças (5) Sampa (3) Filmes (2) Moda (2) PequenasFelicidades (1)

Instagram

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Londres

Isso aqui era um e-mail que pedi a um ex colega de trabalho que morou em Londres. O Renato ia passar uns dias lá, e como o Fabio morou por 2 anos na cidade ninguém melhor pra dar dicas. Eu como gosto de saber onde estão as coisas vou jogando tudo no meu gmail, mas acho muito mais organizado colocar nesse blog, quem sabe ele não dura tipo, a vida inteira, né?!

Eu já fui pra lá também, vou tentar achar minhas anotações e colocar aqui... Tinha pensado em mudar algumas coisas do texto mas não quero esquecer esse jeito do Fabio de falar.... Li tudo e consigo imaginar ele falando cada palavra. Sem contar a mega consideração que teve por parar um tempo e escrever tudo isso! Thank you very much Fabio!

"(1) City de Londres - é o bairro onde a cidade "surgiu", mas pegou fogo em 1666 e foi completamente reconstruído, então guarda pouquíssima lembrança da Londres romana ou medieval e tem uma cara mais, sei lá, georgiana(?). Eu separaria um dia e meio.
(i) visitar a Torre de Londres (que era a antiga cidadela, depois virou a corte, depois virou depósito militar, depois virou presídio, depois virou... e terminou museu), lá tem passeio para umas boas 4 ou 6 horas
(ii) dar um role na Ponte de Londres e tirar umas boas fotos, dá para subir, mas não vejo muita graça em subir...
(iii) Saint Paul's Cathedral - totalmente reconstruída depois do incêndio - é bem legal (não se compara às catedrais italianas, mas é uma boa representante) - se tiver pique, recomendo subir no domo;
(iv) Museum of London - como os museus da Inglaterra não cobram entrada, vale a pena ir nesse se der tempo (só se der tempo), é um museu que é focado na história da cidade desde a idade da pedra, uma parte bem legal é que ele simula as ruas londrinas em tamanho natural desde os tempos romanos...

(2) Westminster - é a parte mais londrina de Londres (hehe), muito por conta do Big Ben e etc... Os prédios e visitas são meio rápidos, então é um dia que ele vai andar bastante... de um dia e meio a dois dias. Coisas importantes:
(i) o Parlamento - é o prédio do Big Ben. Normalmente é aberto ao público para assistir às sessões parlamentares - a arquitetura do prédio é impressionante (embora lembre um pouco a nossa estação da Luz). Ah, dica, se tiver visita guiada (o que acontece muito raramente), fale para ele deixar tudo de lado e ir, porque aí se consegue visitar salas e espaços do Parlamento que são super-cheios de história e não são abertos ao público (como, por exemplo, uma sala que eles mantiveram destruída pelos bombardeios da segunda guerra para lembrar desse período terrível da história);
(ii) a Abadia de Westminster - é onde os monarcas são coroados (e muitos personagens históricos estão enterrados, como Isaac Newton, as rainhas Elizabeth I e Mary Tudor, etc) - tem que pagar para entrar mas, para quem gosta de história, vale cada pence;
(iii) BA London Eye - é uma roda gigante que fica em Westminster - é "carinha", mas, se o tempo estiver bom, vale o passeio e garante fotos muito boas da cidade;
(iv) Trafalgar Square - é uma praça histórica, e o lugar onde o inglês passa o réveillon (equivalente a Copacabana, hehe), não acho bonita, mas lá fica o...
(v) National Art Gallery - é a pinacoteca de Londres, entrada gratuita, é bom ter foco porque há mais de quatro séculos de história de pintura (vão desde as iconografias de santos medievais até Renoir / Salvador Dalí) - uma coisa legal é que, como a Inglaterra não tem grandes pintores "próprios" a galeria tem obra de todos os mestres da pintura...
(vi) Downing Street - particularmente nada de fantástico, mas lá é a casa de todos os primeiros ministros britânicos

(3) Buckingam Palace e arredores -  é perto de Westminster mas resolvi separar porque não dá para fazer tudo no mesmo dia - ele vai gastar não mais que meio dia...
(i) The Mall - é uma avenida arrumadíssima que liga a Trafalgar Square ao Palácio de Buckingam
(ii) St James's Park - fica do lado esquerdo da The Mall, no sentido do Palácio de Buckingam - na minha opinião é o parque mais bonito de Londres - vale um bom role
(iii) Buckingam Palace - é a "casa" da rainha em Londres - a troca da guarda é um espetáculo turístico que ocorre às 11h00 e é meio infernal porque fica cheio, mas já que ele está em Londres... Dá para visitar o Palácio
(iv) Green Park e Wellington Arch - o Palácio de Buckingam fica "ensanduichado" entre o St James's e o Green Park - não tem nada de extraordinário no parque, mas ele termina num "Arco do Triunfo" homenageando Sir Wellington (herói da guerra contra Napoleão). De lá dá para dar uma esticadinha ao...

(4) Hyde Park - maior parque de Londres, se o tempo estiver bom, um lugar delicioso que vale a pena se perder...

(5) Knightsbridge e Kensington - são bairros que margeiam a parte sul do Hyde Park - é o equivalente à nossa Vila Nova Conceição - é o lugar mais caro (e bonito) de Londres, vale um role pelas avenidas, mas o que eu acho mais legal é:
(i) Museu de História Natural - honestamente já vi museus melhores, mas o prédio é fantástico e eles prestam uma boa homenagem a Charles Darwin
(ii) Museu Victoria & Albert - é legal, mas vá só se der tempo - Gabi, vc ia gostar porque tem uma sessão que é sobre história da moda...
(iii) Science Museum - se o seu namorado gosta da história da ciência, fale para ele não perder esse (se ele for engenheiro, vai pirar...)

(6) Picadilly Circus - vale a pena porque lá fica a parte mais novaiorquina de Londres... Do lado fica o SoHo, fale para ele comer num dos excelentes restaurantes chineses - a dica é não procurar um restaurante bonito e sim um cheio de chineses comendo (eu conhecia um muito bom que chamava Four Seasons)... Em Picadilly fica uma loja de artigos esportivos chamada Lilyswhite que tem ótimos preços...
(i) dando uma caminhada, ele chega em Leicester Square, que é o lugar onde tem um monte de teatros com aqueles musicais. Se ainda estiver em cartaz, sugiro fortemente o "Lion King" e "Wicked"
(ii) mais uma caminhada, ele chega em Convent Garden - lugar de restaurantes legais (nada inesquecível) e vários pubs - a cerveja inglesa é mais forte e é sim, mais quente que a nossa, mas vale a experiência, ah, tem uma coisa legal de provar é o que eles chamam de Cider, é uma cerveja de maçã (os ingleses acham isso uma bebida das lower classes, mas é boa)

(7) Oxford Street: legal para compras e um role - é meio que muito turística (cheiona), no começo dela (ou no final, não sei) tem uma rua chamada Edgware Road, que tem um monte de restaurantes árabes, vale provar, porque a comida é mais fiel ao oriente médio e menos tropicalizada;

(8) British Museum: I-M-P-E-R-D-I-V-E-L, separe meio dia e o melhor é que é gratuito. A sessão de Egito, Mesopotâmia e Grécia antiga são impressionantes."

Conheci o Fabio na Comgás em 2005, trabalhamos juntos uma época no MOT - Modelo de Otimização Tarifária. Era punk, Business Plann, ajustes até tarde da noite, mas a diversão era garantida! Músicas engraçadas, era uma boa época. Aí ele foi pra Londres e tem todo esse monte de dica pra contar!


Nenhum comentário:

Postar um comentário