Marcadores

Da Gabi (160) Dos queridos (54) Amor (46) Por aí (35) Dicas (28) Família (28) Comidas (18) Viagem (16) Chatices (15) Esportes (13) Trabalho (12) Livros (9) Música (9) Crianças (5) Filmes (2) Moda (2) Sampa (2) PequenasFelicidades (1)

Instagram

domingo, 17 de junho de 2012

As peripécias do Miguel - 5 anos

Miguel e Mariana, a mãe
O Miguel é meu priminho, filho da minha prima Mariana, que já andou por aqui no blog. Outro dia os avós do Miguel, essa figurinha da foto, vieram aqui em casa e começaram a contar as histórias dele, eu chorava de rir, e pensei em escrever esse post... Essas histórias não podem se perder....

Pra entender o contexto, o Miguel é um menino do interior, adora fazenda e cavalos, 5 anos, tem uma prima, a Duda, que é um grude com ele, e junto com ela formam o único casal de netos da família da Ivana e do Zé.... Vamos lá...

Questionando sobre a morte, aquelas perguntas fáceis que as crianças fazem...

A avó dele explicando que quando alguém morre o corpo é enterrado a e alma vai pro céu, vira uma estrelinha, um anjinho.... E ele truca: “se o corpo é enterrado, e a alma vai pro céu, pra onde vai a cabeça?!”


Em outro momento, ainda falando desse tema...
“Ah, não quero virar anjo não, quero mesmo é virar um cavalo”, criança de interior é outro nível diz aí?!



Num dia de finados passando pela cidade Natal da minha tia ela resolveu ir ao cemitério visitar o túmulo da mãe dela. Obvio que o Miguel queria saber o que era um cemitério, e o que tinha lá... A avó dele explicou que o que tinha lá era o corpo da bisa dele... Ok, o tempo passou. Num encontro de família semanas depois ele chegou na casa dos primos e lá estava a D. Alzira.... A mãe dele falou “Miguel vai lá dar um beijo na bisa” e ele rapidamente questionou “De que cemitério você saiu?”

Dia a dia

Depois do treino de futsal: “Ai vô, to tão cansado, mas tão cansado, que to parecendo burro empacado”.

Miguel e Duda
Na hora de dormir na casa da avó aquela folia, e a avó fazendo tudo que eles querem, aí a neta mais velha (Duda, ai na foto) quer ficar no lugar que o Miguel está.... A avó diz “Calma Duda, deixa o Miguel dormir que a vovó muda ele de lugar”, ele semi dormindo diz “Não vai me mudar de lugar não!!!”.

Palavrão

Agora está na fase de ficar falando que ‘peidou’, ok não é bonito, e a mãe fica doida tentando fazer com que ele não fale palavrões. Alias, comentário aqui, como uma mãe consegue educar uma criança sem dar risada? Deve ser muito comédia... Nesse caso o mais difícil é educar o avô que ensinou como se deve dizer: “Miguel, não pode falar que peidou, da próxima vez que você fizer isso você tem que explicar pras pessoas que o seu cu falou”. Rachei!

No trabalho da mãe que é dentista

Fala se tem coisa mais fofa?!
Mariana (a mãe) estava atendendo o paciente no final do dia, cansada... O Miguel saiu da escola e foi pra lá esperar a mãe terminar o trabalho pra irem juntos pra casa... Chegou o último paciente, a Mariana cumprimentou o paciente:
- Oi Sr. Cláudio, tudo bem? Só na luta? (do dia a dia)
Aí o Miguel chega devargazinho, mais pertinho, e pergunta:
- Sr. Cláudio? O Sr. Luta??

Todo mundo caiu na gargalhada!

Continua em outro post.....





4 comentários:

  1. Criança é uma delícia! Vivo isso diariamente com o meu arianinho e são tantas as tiradas que realmente vc faz bem em não deixar cair no esquecimento.
    Vou tentar anotar algumas do gabriel pra te contar. Hj uma engraçada. Levamos a Chica pra tomar branco e qdo ela chegou eu falei "olha filho, como ela ficou branquinha?! Ele responde:

    branquinha e preta né mamãe? hehehe ele tava certo, afinal ela é das duas cores! vou lembrar mais e anoto pra te contar! Beijos! Carine

    ResponderExcluir
  2. KKKKKKKK
    adorei!!!
    saudade desse figurinha

    ResponderExcluir