Marcadores

Da Gabi (160) Dos queridos (54) Amor (46) Por aí (35) Dicas (28) Família (28) Comidas (18) Viagem (16) Chatices (15) Esportes (13) Trabalho (12) Livros (9) Música (9) Crianças (5) Filmes (2) Moda (2) Sampa (2) PequenasFelicidades (1)

Instagram

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Feliz 2012 - Insônia...

Alguém notou que eu tinha errado o título do último post?! Considerei o ano passado como 2012 e não como 2011, acho que deve ser um sinal de quem foi por muito tempo da área de planejamento, sempre pensando no ano seguinte... Agora aqui estou, numa daquelas noites eu que eu dormi a tarde, e que portanto não consigo dormir a noite...

Primeiro dia do ano... Segundo pra ser mais precisa... Essa virada foi meio "xis" pra mim. Estava em família, mas é interessante não como os tempos mudam, mas como as pessoas mudam.... Por anos eu passei o reveillon no mesmo lugar, com essa mesma (parte) da família e tudo parecia tão mais mágico. Esse ano tivemos um pedaço bem menor que dos outros anos, e o mais animado definitivamente era o meu avô. O mais velho da galera, soltando suas serpertinas, e ensinando as técnicas de como acertar o fio de eletricidade e assim formar como um toldo do apê de frente pro mar até o tal fio.... Esse é o mesmo cara! O mesmo menino que é apaixonado pela vida, e eu por ele e sua alegria, seu jeito meigo de ser, seu jeito fofo de querer todo mundo feliz, seu jeito simples que conquista a todos que o conhecem. O resto da galera?! Ninguém tinha o mesmo pique... Que falta eu sinto das festonas que meu pai fazia, porque ele convencia todo mundo de qualquer coisa, que qualquer dia era dia de festa, ainda mais um reveillon....

Não sei... A chuva estava desanimando. A maré estava baixa e a areia tinha muitas poças.... Os fogos de artifício estavam foram de sincronia, o que fazia partes do mar ficarem totalmente negras... De repente volta a funcionar... De repente para... Eu, com o Rê e meus irmãos, na chuva, de repente aparece o tio Wilson e a tia Christina... Pulei as sete ondas, fiz pedidos pra Iemanjá, e joguei a minha querida rosa branca. Sim, pra mim tudo isso tem significado... Sou cheia de superstições... Não dou as costas para o mar, penso em coisas boas, e não acho que qualquer marolinha é suficiente não, tem que ser onda mesmo! Acho que o mar tem uma energia incrível, e sempre penso que uma virada de ano na praia é melhor que fora dela... Como as uvas, as romãs, guardo as sementes, faço todas as simpatias que me ensinam...

Esse ano começou diferente. Até a volta pra SP foi fácil, 1 hora porta a porta, quase um milagre. Voltei tão branca quanto fui, e tomei um pro secco no jantar junto com um big mac (!!!!), já que não tinha nada em casa e mais nada funcionava aqui em SP além do Mc Donalds...

Espero que esse 2012 (agora sim), seja muito melhor que 2011! Que minha família e amigos estejam comigo e com saúde! Espero ser mais leve, levar a vida menos a sério, ser mais alegre, e rir mais de mim mesma... Espero também ter menos insônia, e entender que não posso dormir a tarde, que isso me tira o sono da noite... rs rs...

Nenhum comentário:

Postar um comentário