Marcadores

Da Gabi (160) Dos queridos (54) Amor (46) Por aí (35) Dicas (28) Família (28) Comidas (18) Viagem (16) Chatices (15) Esportes (13) Trabalho (12) Livros (9) Música (9) Crianças (5) Filmes (2) Moda (2) Sampa (2) PequenasFelicidades (1)

Instagram

domingo, 28 de agosto de 2011

“Só levo a certeza, de que muito pouco sei, eu nada sei” - Almir Sater 1

Ontem eu fui ao show do Almir Sater, que pouca gente da minha galera conhece, mas pra quem viu Pantanal, lá estava ele, em Ana Raio e Zé Trovão, e em o Rei do Gado, que está reprisando agora, ele é o Pirilampo.
O cara é um mato-grossense calmo, simpático, simples.... Ele canta com uma paz, toca com uma naturalidade aqueles montes de violas e compõe junto com alguns parceiros músicas que me fazem tão bem, e me fazem pensar em como a vida poderia ser simples, e como ela de fato é....
Acho que vou conseguir escrever muitos posts só com algumas musicas que mexeram (sempre) muito comigo. Essa que tá aí é Tocando em Frente, que muita gente já ouviu na voz da Bethânia, mas é dele e do Renato Teixeira. A música é lindíssima, mas os trechos favoritos pra mim além do título desse post são:
“É preciso amor
Pra poder pulsar
É preciso paz pra poder sorrir
É preciso a chuva para florir
Penso que cumprir a vida
Seja simplesmente
Compreender a marcha
E ir tocando em frente”

Às vezes a gente acha que as coisas vem do nada... Mas é tão simples quanto a chuva para florir... Nada vem de graça e esse cara lá do meio do mato, que mora no Pantanal, para e escreve isso, e quem tem sensibilidade percebe como isso tá em tudo na nossa vida!

Pela longa estrada, eu vou
Estrada eu sou
Conhecer as manhas
E as manhãs
O sabor das massas
E das maçãs"

Estrada eu sou... Como eu me defini nesse blog, sendo moldada a cada dia....

“Todo mundo ama um dia,
Todo mundo chora
Um dia a gente chega
E no outro vai embora”

Mais vida, vida, vida como ela é....

“Cada um de nós compõe a sua história
Cada ser em si
Carrega o dom de ser capaz
E ser feliz”

Não consigo nem comentar isso... Porque é muito lindo pra eu falar qualquer coisa a respeito. Se eu pudesse, eu gostaria de passar horas conversando com o Almir Sater, e se dependender de mim vou a todos os próximos shows que ele fizer em SP – sempre entre agosto e setembro e só unzinho!

Nenhum comentário:

Postar um comentário